26 de fev de 2016

Recomendação de RPGMaker da Ame-chan

Boa tarde para todos vocês, alminhas penadas!

Já fazia um tempo que eu queria começar quadros um pouco mais úteis no blog, que não fossem apenas meu "romance". Bom... chamar de útil é algo muito ambíguo, mas de qualquer jeito estou começando uma nova série de posts. E de que falarei?

Bom... creio que a maioria de vocês já tenha ouvido falar em um programa de criação de jogos, o RPG maker. É costume que os jogos criados por ele sejam meio indie, de terror e aventura (também tem uns de comédia, e outros que conseguem ter um teor bem sinistro, por mais que o gráfico seja simples).

Para quem não conhece, é fato que uma boa quantidade desses jogos tem dois ou mais finais diferentes, aos quais você pode chegar pegando certos itens, deixando de pegá-los, respondendo perguntas e até mesmo entrando em certos lugares no decorrer da trama. Eles costumam ser absolutamente curtos, também, embora haja exceções.

Eis que me proponho a trazer para vocês toda semana uma dica de jogo diferente que esteja nesses padrões. Não colocarei detonados, contudo, porque existem muitos circulando pela net, e não são difíceis (também há jogos que nem necessitam de detonado) de encontrar. Me limitarei a contar um pouco da história base, evitando os spoillers, e no máximo mostrar como pegar alguns finais.

E o grande sortudo que será citado primeiro é...

Ib.



Oh... Ib (lê-se Eve, se não me engano... embora eu continue falando Ib, porque sempre esqueço). Ib foi meu mergulho de cabeça no mundo dos RPG Makers, e não me deixou nem uma boia para voltar a superfície. Poderia afirmar que foi o primeiro jogo desses que joguei, mas seria uma mentira... afinal a uns três anos atrás me apresentaram Misao, que estava em inglês, e eu mal sabia o que era RPG Maker naquela época.

Enfim... Ib parece ser o jogo queridinho de todos os amantes de RPG Maker. Talvez seja pela história bastante fantasiosa e meio clichê, talvez pelos personagens que você acaba amando, ou pelos finais (tantos tristes quanto os bons) para os quais suas escolhas durante o jogo acabam levando-o. Foi criado por Kouri, é do estilo básico de puzzles e exploração, com um toque de horror.

Ib conta a história de uma menina de nove anos (é ela que dá o nome ao jogo), que vai com os pais a uma exposição de arte em uma galeria. Quando se separa dos pais para visualizar as obras sozinha, num repente descobre-se presa em um mundo completamente diferente do seu, onde quadros se mexem e falam, manequins sem cabeça correm atrás dela e sua vida está diretamente ligada à saúde de uma rosa vermelha. É dentro deste mundo louco, aparentemente criado por Guertena (o artista criador das obras na exposição), que ela conhece Garry e Mary.

Ao contrário de alguns jogos do gênero, Ib é quase totalmente muda. Você não verá nenhuma fala dela enquanto estiver sozinha, a não ser em raras ocasiões, principalmente quando ela é interrogada por Garry ou Mary, momentos que geralmente mudam o final da história. Por sua tenra idade, é comum que quando você interage com coisas escritas (livros ou, no caso, alguns títulos de quadros), apareça uma frase dizendo "Você não conhece algumas palavras", tornando o texto truncado.

Garry é um adulto jovem, você o encontra pela primeira vez observando uma pintura na galeria, antes de ser transportada para o "Mundo de Guertena". Ele é encontrado novamente depois de um ou dois puzzles, quando já está no outro mundo. É um dos personagens mais carismáticos do jogo, na minha opinião, e é bastante covarde, ainda que faça todo o possível para salvar Ib depois que se encontram. Também é muito gentil. Há suposições que seja fumante por causa do isqueiro que carrega em seu sobretudo (e devo dizer que este isqueiro vai ser muito útil em certas ocasiões). Sua rosa é de cor azul.

Mary é uma garotinha nova, julgasse que tenha aproximadamente 5 anos. Ela é a ultima pessoa a ser encontrada perdida na galeria, e apesar de ser infantil, também é bastante inteligente. A cor de sua rosa é amarela, e ela inicialmente parece gostar muito de Ib.


Você não pode atacar nesse jogo, então precisa correr para evitar que as pétalas das rosas dos personagens se percam (levando-os a morte). Para recuperar a vida, a rosa tem que ser colocada em ocasionais jarros cheios de água que podem ser encontrados durante a fase.

O jogo tem ao todo sete finais (dois desses estão na versão dita como mais nova, na atualização 1.04). Como só joguei a antiga, vou me focar apenas nos cinco finais que consegui pegar. Tentarei passar as instruções o mais objetivamente possível para evitar spoilers, mas aviso que certas coisas infelizmente não vai ter como eu modificar, então leiam por sua própria conta e risco.

+Finais:

  • Promessa de Reunião: É dito que seja o melhor final se você prefere Garry a Mary. Também é considerado o final "verdadeiro" do jogo. Para consegui-lo, é preciso queimar a pintura de Mary, e dar a Garry o lenço quando ele machucar a mão. Você precisa de um bom relacionamento com Garry para ser capaz de fazer isso. Siga esses passos, tentando fazer o máximo que conseguir deles:

         +Na área cinza, leia o cartaz sobre o truque da mão direita, presente na sala do labirinto.
         +Não deixe Garry chutar o manequim no quarto com o espelho. 
         +Pegue o casaco de Garry no quarto Seguro (depois que Ib desmaia).
         +Fale com Garry sete ou mais vezes no quarto Seguro depois de dar de volta o seu casaco.
         +Na área violeta, evite o cabo mais a direita do quarto.
         +Interaja com o quebra-cabeça de leite.
         +Quando as luzes se apagam, não diga "....................."
         +Fale com Garry sete ou mais vezes à luz do sol falso em 
    Caderno de Desenho. 
         +Quando você cair na caixa de brinquedos, responda "Eu estou bem"

    Depois de dar-lhe o lenço. Volte à galeria e pule no mural. Você encontrará Garry em posição diante da escultura de rosas. 

  • Recantos da Memória: Outro final onde Garry sobrevive. Para consegui-lo você precisa evitar o máximo possível quebrar os manequins e bonecas, a menos que seja necessário para concluir algum puzzle. Queime também o quadro, mas não dê o lenço a Garry. Volte à galeria e pule o mural. Encontrará Garry na mesma posição que o final anterior. 

  • Ib Sozinha [2]: Siga os passos dos outros anteriores. Quando chegar em frente a pintura, escolha ir com sua mãe ao invés de seguir Garry.

  • Juntos para sempre: Em todos os finais abaixo desse, Garry precisa morrer. Para que isso ocorra, siga os seguintes passos:

         +Chute a cabeça do manequim no quarto do espelho.
         +Na área violeta, quando estiver jogando com Garry, puxe o cabo mais a direita no quarto. Uma manequim cairá e se despedaçará, quase acertando-o.
         +Chute a boneca persistente em vez de movê-la para o lado.
         +Falhe na "sala de bonecas", deixando Garry preso.
         +Diga a Mary que você sairá da galeria com Garry (Ela não fará a pergunta se sua raiva estiver alta)
         +Quebre todas as cabeças de manequim na área marrom.
       

    Para conseguir este fim em especial, você tem que ir direto para a galeria depois de deixar a caixa de brinquedos (para não queimar a pintura de Mary). É o único final aconselhado para aqueles que preferem Mary a Garry.

  • Retrato Esquecido: Depois que Mary fez arrancar as pétalas de rosa de Gary, volte, tome o isqueiro e queime a pintura de Mary. Então, vá para a galeria e salte para o mural.

  • Ib Sozinha [1]: Queime a pintura de Mary. Quando chegar ao quadro para voltar ao mundo real, escolha seguir com o falso Garry.




Lembrando: esses foram todos os que eu encontrei (Todos os "Ib Sozinha" são considerados o mesmo).  

O primeiro que peguei, jogando aleatoriamente, foi Recantos da Memória. Aconselho que joguem com um bloco de notas ou algo que possa anotar, a menos que tenham memória muito boa. O jogo foi traduzido para português por Hwaaa! (que bom, porque se não fosse não iria jogar nunca, do jeito que sou péssima em inglês). Deixarei o link para baixar aqui em baixo (é a versão que eu joguei, a 1.02, só pra constar).


Obs.: Extraia o arquivo com o Winrar. Se não tem o programa RPG Maker 2004 RTP instalado, precisará abrir "RTPMaker.exe" antes de jogar. Há um manual de jogo junto ao download para resolver possíveis problemas.


Se já jogou Ib, compartilhe conosco sua experiência! Se não, espero que minha tentativa quase falha de ajudar a pegar os finais sem dar muito spoiler ajude de alguma forma. Haha.

Nos vemos na próxima semana com mais um jogo... até lá!


~Kit Black


Nenhum comentário:

Postar um comentário